Você sabe o que é linguagem PHP? Saiba tudo neste post!

Você sabe o que é linguagem PHP? Saiba tudo neste post!
5 (100%) 1 vote

Quer aprender um pouco mais sobre a linguagem PHP? Confira neste post o que é PHP, conheça os seus campos de atuação, entenda mais sobre a história deste tipo de linguagem e saiba quais são os programas, sites e redes que utilizam o PHP.

Entenda a linguagem PHP

O que é PHP?

PHP é uma linguagem de script que trabalha com o servidor web e é usado, principalmente, no desenvolvimento de sites dinâmicos e blogs. Entretanto, o mercado apresenta outras linguagens que conseguem desenvolver sites dinâmicos como o ASP, mas o PHP possui uma linguagem bem mais desenvolvida nesse nesse quesito.

Além disso, o PHP é uma linguagem de código aberto, ou seja, toda hora novos recursos e melhorias estão surgindo para facilitar a vida do usuário que escolheu o PHP para ser usado em seu site ou blog.

Qual a história do PHP?

  • PHP/FI (1994) – Rasmus Lerdof criou o programa em 1994, mas só foi publicado em 1995. O PHP foi criado com o intuito de monitorar o número de visitas do currículo online do Lerdof. Inclusive o programa nem se chamava PHP como é hoje, mas PHP/FI;
  • PHP/FI 2.0 (1997) – Em 1997 foi criada a segunda versão do programa com algumas evoluções na linguagem;
  • PHP 3.0 (1998) – Em 1998 saiu a versão 3.0 do PHP e agora sim o programa passou a se chamar propriamente de PHP. Nesse momento, grandes desenvolvedores como Zeev Suraski e Andi Gutmans se uniram ao Lerdof;
  • PHP 4.0 (2000) – No ano de 2000 foi implementado o Zend Engine que é o interpretador do código PHP quando foi escrito todo o núcleo da linguagem;
  • PHP 5.0 (2004) – Somente em 2004 saiu o PHP 5.0 e ao mesmo tempo o Zend Engine 2. Com isso, teve uma melhora na versão Zend, ou seja, na reescrita do núcleo do PHP, além de uma grande evolução no modelo de orientação a objetos;
  • PHP 7.0 (2015) – Mais de 10 anos depois saiu a versão do PHP 7.0. Nessa versão teve uma melhora considerável na performance da linguagem com alguns pontos evoluídos que acabaram impactando na performance da linguagem. Além disso, foram acrescentadas novas funcionalidades;
  • PHP 7.2 (2018) – Neste momento estamos na apresentação da versão 7.2.

Como funciona a linguagem PHP?

O cliente ou visitante do seu site quando vai abrir um navegador, precisa colocar na aba de interesse o endereço do seu site. Quando ele digita o endereço do seu site, o servidor deve abrir fazendo a conexão por meio do protocolo https ou http com o servidor onde o site está hospedado.

De imediato, o servidor vai montar a página que o cliente está requisitando. Caso o site tenha um script PHP nessa página, o PHP vai interpretá-lo dentro do servidor e vai retornar para o navegador um código html. Para quem não sabe o código html é uma linguagem padrão de desenvolvimento de site.

Como o navegador só consegue ler a linguagem html, o seu site precisa ter o script PHP para interpretar e retornar para o navegador o códgio html e assim apresentar a página pronta do site com aquilo que o cliente está querendo visualizar no momento.

O que o PHP pode fazer?

O PHO pode desenvolver alguns recursos para facilitar a navegação do usuário. Portanto, conheça agora quais são os principais recursos do PHP:

1. Processamento de script no servidor web

Você pode colocar um script PHP no servidor web para que ele interprete e retorne para o navegador no momento que o usuário estiver acessando o site.

2. Linha de comando

Ao trabalhar com PHP você tem a possibilidade de trabalhar com linha de comando. Um exemplo é o CMD do Windows que você consegue trabalhar PHP sem ter o servidor da web, apesar de não ser um recurso muito utilizado.

3. Aplicações Desktop

Por meio da extensão PHP – GTK você consegue criar aplicações no desktop. Contudo, o recurso não é muito utilizado porque existem várias linguagens melhores nesse setor. Sendo assim, o PHP é realmente uma linguagem mais específica para desenvolvimento de sites.

4. Programa Estruturada ou Orientada a Objetos

Com o PHP você pode trabalhar com programa estruturada, orientada a objetos ou fazer os dois ao mesmo tempo.

5. Liberdade de utilização

O PHP permite que você trabalhe com vários sistemas operacionais como o Linux, MacOS, Windows, entre outros.

6. Geração de documentos

Com o PHP você consegue gerar pdf, imagens, flash, entre outros documentos. O flash atualmente não é mais tanto utilizado pela maioria das pessoas e nem recomendado porque ele tem um peso grande que pode acabar afetando na abertura do site.

7. Criar textos XHTML e arquivos XML

O PHP permite criar textos xhtml e arquivos xml.

8. Suporte a uma variedade de Banco de Dados

O programa PHP suporta uma variedade enorme de banco de dados.

9. Suporte de comunicação com outros serviços

Por meio do PHP é possível se comunicar com diversos protocolos. Entre os principais exemplos estão o POP3 e IMAP que são protocolos de e-mail, além do http que já foi informado anteriormente.

Quem usa o PHP?

Entenda quais são os sistemas, redes sociais, programas e softwares que usam a linguagem PHP.

  • Facebook – O facebook utiliza várias opções de linguagem e uma delas é o PHP;
  • WordPress – Além do PHP o wordpress usa também outras opções de linguagem;
  • Yahoo – O Yahoo também utiliza a linguagem PHP no seu sistema.

Agora você percebeu como a linguagem PHP é tão importante para o desenvolvimento de sites e blogs e o quanto ela está presente no seu dia a dia. Por isso, conhecer mais sobre o sistema é importante para quem deseja trabalhar na área.

Se você pretende atuar na área de PHP, conheça o curso que ensina tudo desde o básico até o avançado. No Curso de PHP Developer você vai aprender como iniciar o desenvolvimento em PHP. Além disso, você vai aprender a criar estruturas partindo do zero.

Curso de PHP Developer

Encontramos esse conteúdo no Youtube